X

Fale Conosco:

Aguarde, enviando contato!

Transmissão Allison no Rio de Janeiro

Por Antonio Ferro dia em Notícias

Transmissão Allison no Rio de Janeiro
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

De acordo com a Allison, a experiência das empresas com ônibus automáticos vem de dois protótipos montados em 2010, o que foi determinante para a decisão da compra dos novos veículos

A operadora carioca Auto Viação Três Amigos adquiriu recentemente cinco novos ônibus urbanos com chassis Mercedes-Benz OF 1721 equipados com transmissões automáticas Allison da Série 3000™. Eles fazem parte das primeiras dez unidades adquiridas pelo grupo carioca que é proprietário, além da Auto Viação Três Amigos, da Auto Viação Santo Antonio e Expresso Garcia. A Três Amigos conta com uma frota de 172 ônibus convencionais e 27 articulados para o BRT local.

De acordo com a Allison, a experiência das empresas com ônibus automáticos vem de dois protótipos montados em 2010, o que foi determinante para a decisão da compra dos novos veículos. Esses protótipos já rodaram mais de 1,1 milhão de quilômetros sem qualquer problema e essas dez unidades Mercedes-Benz foram as primeiras da série a serem produzidas com motor dianteiro e transmissão automática da marca. "Em termos de manutenção e disponibilidade do veículo, as automáticas Allison também trarão uma grande economia para a empresa. Em nossos percursos, um ônibus com transmissão manual troca todo o sistema de embreagem com a quilometragem entre 60 mil e 70 mil quilômetros, situação que jamais ocorrerá com os novos veículos automáticos da frota", disse Claudio Marcelo Ferreira, diretor administrativo da Três Amigos.

Ferreira ainda destacou que os novos ônibus circularão em uma das linhas com maior complexidade da operadora, tanto em termos de topografia, distância e carregamento. "Trata-se da linha 355, que vai de Madureira à Praça Tiradentes, com 58 quilômetros de extensão, onde os ônibus rodarão em média 250 km diários em dois turnos. Portanto, é uma das rotas mais travadas da cidade e uma das mais indicadas para a robustez das transmissões automáticas". Os motoristas que conduzirão os novos veículos também estão recebendo um treinamento específico da Allison para que possam operar a transmissão da forma mais eficiente em termos de desempenho e para obter índices mais baixos de consumo de combustível. Isso é importante porque as planilhas de controle da empresa indicam que o diesel representa mais de 30% dos custos de operação da frota. "Temos uma expectativa muito grande em relação a esses ônibus que estão chegando. Além da transmissão automática eles têm suspensão pneumática, o que também colabora para um maior conforto dos passageiros. Vamos fazer o máximo para que eles sejam operados da forma mais correta e que esse investimento nos garanta um bom diferencial em relação às demais empresas de transportes. A concorrência está muito grande", observou Ferreira.

Imagem - Divulgação

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Olá, deixe seu comentário para Transmissão Allison no Rio de Janeiro

Enviando Comentário Fechar :/