X

Fale Conosco:

Aguarde, enviando contato!

Sem o motorista na condução

Por Antonio Ferro dia em Notícias

Sem o motorista na condução
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

A VIA Technologies informa que no Brasil, a cidade de Curitiba (PR) é o local onde os estudos com o ônibus urbano autônomo estão sendo realizados. Por enquanto, apenas o sistema ADAS é o utilizado

Além de elétrico, o futuro lhe reserva a condução autônoma. Essa é a aposta de muitas fabricantes tecnológicas para o ônibus urbano dentro de alguns anos. A empresa VIA Technologies, por exemplo, já possui um veículo sendo testado com êxito na China e está de olho no Brasil para uma futura implantação de seu desenvolvimento. O modelo produzido pela montadora chinesa Enchi Auto, modelo Enchi Self Driving EV Bus, trafega pelas ruas da unidade da companhia em Huzhou, cidade localizada na província de Zhejiang, utilizando a solução VIA Mobile 360 ADAS, da VIA Technologies, ferramenta capaz de captar imagens de tudo o que acontece ao redor do veículo, interpretá-las e compará-las a outras informações enviadas por outras fontes.

Em linhas gerais, o funcionamento se dá na seguinte forma: quatro câmeras externas possibilitam a captura de uma visualização de 360 graus ao redor do veículo, havendo ainda a intervenção do sistema chamado ADAS (Advanced Driver Assistance Systems), sensor localizado na dianteira do ônibus que, dotado de vídeo analítico, identifica e interpreta todas as variáveis envolvidas na condução, como distanciamento das faixas de rolagem, limite de velocidade da via e interpretação dos semáforos (se estão vermelhos ou verdes) e da sinalização. Ainda, de acordo com a empresa, os dados são combinados a outros recebidos de outras fontes, como a geolocalização via GPS, e encaminhados à central do veículo, uma plataforma big data que define os comandos que farão o veículo ter uma reação adequada e instantânea em cada situação.

Sem o motorista na condução

A VIA Technologies informa que no País, a cidade de Curitiba (PR) é o local onde os estudos com o ônibus urbano autônomo estão sendo realizados. "Os testes estão evoluindo. Temos um ônibus em circulação na China desde o ano passado, mas também fazemos análises envolvendo serviços delivery. E já temos várias empresas interessadas no Brasil. Os testes também estão sendo realizados em outras cidades na América Latina. Países como Colômbia e Peru têm interesse e o debate também começou na Argentina", disse Ubiratan Resende, diretor geral da Via Technologies no Brasil.

No caso brasileiro, a avaliação da tecnologia utiliza apenas o sistema ADAS na fase de testes. O recurso da condução autônoma ainda permite manter o veículo a uma distância segura dos demais, trafegar a uma velocidade pré-estabelecida ou adotar um modo segurança quando há pedestres próximos da via. Se há um afastamento das faixas, o sistema corrige a rota imediatamente. Caso surja um obstáculo, o veículo para sozinho e retoma o movimento assim que possível.

Para a desenvolvedora da tecnologia, o conceito permite que haja uma racionalização operacional, visando um menor índice de acidentes e os veículos fiquem o menor tempo parado, tanto no fluxo, como para a manutenção. E a condução autônoma tende a ser viável no Brasil em corredores segregados das redes urbanas.

Imagens - Divulgação

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Olá, deixe seu comentário para Sem o motorista na condução

Enviando Comentário Fechar :/