X

Fale Conosco:

Aguarde, enviando contato!

Marcopolo renova a frota de Santiago

Por Antonio Ferro dia em Conexão Mobilidade

Marcopolo renova a frota de Santiago
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

A capital chilena tem se mobilizado nos últimos meses para renovar sua frota de ônibus urbanos, adotando a tecnologia da tração elétrica e agora com veículos a diesel equipados com motores Euro VI

Depois de receber os primeiros ônibus elétricos, a cidade de Santiago agora terá uma nova frota com veículos a diesel. Ao todo serão 342 ônibus, dentre modelos convencionais e articulados. As operadoras Metbus, STP Santiago S.A. e Redbus Urbano S.A. adquiriram da encarroçadora brasileira Marcopolo as carroçarias Torino Low Entry e Torino Low Entry Articulado. Está é a primeira vez que a fabricante brasileira fornece para essas empresas e é resultado de suas ações para estar cada vez mais próxima de seus clientes, entender as necessidades operacionais e poder desenvolver e entregar veículos totalmente adequados às suas aplicações.

O destaque fica por conta dos ônibus terem motorização a diesel Euro VI, primeira frota em operação na América Latina com tecnologia capaz de reduzir 66% do material particulado e 80% do óxido de nitrogênio (NOx) do que os atuais veículos em operação. Enquanto o Brasil decidiu adotar essa norma apenas em 2023, o Chile se adiantou ao compromisso de mitigar os efeitos da poluição causada pelos sistemas de transporte.

“O Chile foi, em 2018, o principal mercado exportador na América do Sul, com mais de 970 unidades. O novo fornecimento para o Transantiago vinha sendo negociado há meses e a equipe multifuncional criada especificamente para este projeto trabalhou para desenvolver dois modelos diferenciados que pudessem oferecer o máximo em segurança, conforto, robustez e eficiência”, observou Rodrigo Pikussa, diretor do Negócio Ônibus da Marcopolo.

Os novos ônibus contam com inúmeros atributos positivos, além do sistema de permite a redução das emissões poluentes, como a transmissão automática, piso baixo, grande capacidade para o transporte de passageiros, nova cabine que destaca a segurança e a ergonomia para os motoristas, tendo um novo desenho e comandos de fácil e rápido acesso, tornando assim a condução menos desgastante e mais confortável. Internamente, os veículos oferecem ainda sistema de ar-condicionado, novos assentos estofados, tomadas USB, tubos e pega-mãos para os passageiros em aço inox, vidros colados e preparação para instalação de todos os equipamentos de gestão de frota utilizados no sistema Transantiago. As primeiras 150 unidades do negócio já estão sendo enviadas para o país andino. Os chassis são da marca Mercedes-Benz.

A Marcopolo tem uma importante participação no sistema santiaguino com o fornecimento de mais de 2900 unidades dos modelos convencionais e articulados e micro-ônibus.

Imagem - Gelson Mello da Costa

 

 

 

 

 

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Olá, deixe seu comentário para Marcopolo renova a frota de Santiago

Enviando Comentário Fechar :/