X

Fale Conosco:

Aguarde, enviando contato!


Homenagem da Marcopolo à Revista AutoBus

Fomento à eletromobilidade

Por Antonio Ferro dia em Notícias

Fomento à eletromobilidade
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

O Finame é um financiamento voltado para aquisição de máquinas, equipamentos e bens de informática e automação, permitindo que as empresas interessadas possam financiar até 80% do valor do ônibus 100% elétrico

Como forma de incentivar o maior uso do ônibus elétrico a baterias no Brasil, o BNDES credenciou a fabricante BYD para que possa comercializar seus chassis de ônibus 100% elétricos e suas baterias de fosfato ferro lítio por meio do financiamento do Finame. De acordo com a montadora com fábrica na cidade paulista de Campinas, os ônibus 100% elétricos também poderão se tornar alternativa econômica em meio à crise que se vislumbra.

A marca ressalta que, além de não poluentes, eles são econômicos, tendo custo operacional 70% menor que um ônibus a diesel convencional. Também, segundo informou, na comparação com o diesel, o gasto com o abastecimento elétrico chega a ser equivalente 25% do que o tradicional combustível. E, o número reduzido de peças em um veículo 100% elétrico reduz drasticamente a necessidade de manutenção, proporcionando maior disponibilidade do veículo em comparação ao convencional à combustão.

Em linhas gerais, o Finame é um financiamento voltado para aquisição de máquinas, equipamentos e bens de informática e automação, permitindo que as empresas interessadas possam financiar até 80% do valor do ônibus 100% elétrico, em um prazo de até 10 anos, com 2 anos de carência. Para tal, são 20% de entrada, podendo ser divididos em 8 parcelas trimestrais.

A montadora ressaltou que os equipamentos enquadrados no Finame são: bateria refrigerada para ônibus modelo piso baixo D9W e o chassis piso baixo de 12,50 metros D9W. Em nota, o diretor da divisão de ônibus da fabricante no Brasil, Marcello Von Schneider disse que o Finame é muito importante para que empresas do setor possam financiar, a juros mais baixos, os ônibus 100% elétricos, trazendo uma tecnologia limpa, sustentável e de baixo custo de manutenção. "Acreditamos que este será um marco para a introdução do ônibus elétrico no País", sintetizou.

Imagem - Revista AutoBus

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Olá, deixe seu comentário para Fomento à eletromobilidade

Enviando Comentário Fechar :/