X

Fale Conosco:

Aguarde, enviando contato!

Em movimento com a eletricidade e as cores

Por Antonio Ferro dia em Conexão Mobilidade

Em movimento com a eletricidade e as cores
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

O uso da tração elétrica, de ônibus de maior porte e uma identidade visual inovadora transforma o transporte coletivo de uma cidade francesa

Reforçar o conceito do transporte coletivo em meio ao desenvolvimento urbano sustentável é um dos grandes desafios no atual modelo de cidades pelo mundo. Mobilidade e poluição são dois temas de extrema importância que impactam diretamente na maneira dos habitantes se deslocarem e viverem nas áreas urbanas. Nesse contexto, municípios com gestões públicas preocupadas com uma nova ordem em suas estruturas, dão o exemplo em como buscar soluções para os problemas oriundos do transporte. É o caso da cidade francesa de Nantes, que apresentou há pouco tempo em seu sistema de transporte coletivo o e-busway, um conceito que utiliza ônibus com tração elétrica, 100% a baterias.

A linha 4, escolhida para essa renovação, utilizava ônibus articulados com motorização a gás natural, ligando o centro ao sul da cidade (sete quilômetros de distância), com uma frequência operacional entre dois e três minutos de intervalo. Cerca de 40 mil passageiros são transportados por dia nessa rota.

Em movimento com a eletricidade e as cores

Para aumentar a capacidade de transporte, responder as questões ambientais locais e melhorar o índice de qualidade dos serviços, a Nantes Métropole e a operadora Semitan decidiram em 2016 converter a referida linha em operação elétrica. Para tanto, realizaram um processo de escolha do material rodante e da tecnologia limpa, sendo a fabricante suíça HESS, em parceria com a empresa ABB, a vencedora para fornecer 22 novos ônibus biarticulados, com 24 metros de comprimento. Com a chegada dos novos veículos, haverá um incremento de 35% na capacidade de transporte, podendo atingir o volume de 56 mil passageiros por dia.

Tais veículos podem recarregar rapidamente suas baterias em terminais e no trajeto por meio de estações desenvolvidas pela ABB. Eles podem transportar 150 passageiros, tendo ainda conversores de tração e auxiliares, motores de tração de ímã permanente, unidades de bateria montadas no teto e sistemas de transferência de energia.

Em movimento com a eletricidade e as cores

Outro detalhe incorporado nos novos ônibus é a identidade visual, com pinturas de artistas locais e internacionais que materializaram formas e traços que funcionam como uma arte óptica, brincando com o movimento e a velocidade na área urbana.

Em termos de investimentos, o valor total foi de 54,5 milhões de euros na aquisição dos veículos e na adaptação da infraestrutura necessária para a realização dos serviços, bancado por fundos dos governos locais (da área metropolitana de Nantes, estadual e do poder público francês) e também da União Europeia.

Imagens cedidas gentilmente pela Nantes Metropole (Patrick Garçon)

 

 

 

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Olá, deixe seu comentário para Em movimento com a eletricidade e as cores

Enviando Comentário Fechar :/