Conexão Mobilidade

Crescimento em meio a obstáculos

Apesar da crise do mercado brasileiro de ônibus, a encarroçadora gaúcha Marcopolo divulgou seus números referentes ao terceiro trimestre de 2017, com um crescimento de 4% em sua receita líquida (R$ 736,8 milhões), em relação ao mesmo período do ano passado. Em nota, a empresa destaca que no acumulado dos nove meses do ano ela ampliou sua receita em 15,7% e alcançou R$ 2,032 bilhões, contra R$ 1,756 bilhão, no mesmo período de 2016. O diretor-geral Francisco Gomes Neto, comentou que o desempenho somente pode ser alcançado pelas ações adotadas imediatamente após o incêndio ocorrido e pelo empenho e dedicação dos colaboradores, e apoio de parceiros e
Ler maisComentários não disponíveis

Entretenimento para o passageiro rodoviário

A operadora rodoviária Util começou a disponibilizar ao seus clientes que embarcam no Rio de Janeiro em direção a Belo Horizonte e Brasília, um sistema exclusivo de entretenimento a bordo via Wi-Fi. Trata-se de um conteúdo gratuito por streaming disponível via rede de internet do ônibus diretamente para dispositivos móveis - como smartphones, tablets ou notebooks. Para Felipe Alves, gerente de marketing da transportadora, o desenvolvimento de mais este serviço reforça a preocupação da empresa em melhorar cada vez mais a experiência de viagem com a conveniência de uma programação de filmes sem que o passageiro utilize seu plano de dados. O investimento foi de R$ 100
Ler maisComentários não disponíveis

Mantendo a ponta

Com um mercado tentando se recuperar dos estragos causados pela crise financeira que acompanha o País, a Mercedes-Benz mostra que continua liderando as vendas de ônibus, tanto urbano, como rodoviário. No acumulado, de janeiro a dezembro deste ano, a participação da montadora em chassis acima de 8 toneladas é de 52,5% de market share, com 4.820 unidades emplacadas, num mercado total de 9.176 unidades. “São 34 pontos percentuais sobre o segundo colocado, o que demonstra que os clientes confiam cada vez mais na nossa marca”, disse Walter Barbosa, diretor de Vendas e Marketing Ônibus da Mercedes-Benz do Brasil. São 2.911 unidades emplacadas de chassis urbanos, 74,7% de participação no
Ler maisComentários não disponíveis

Caxias do Sul terá biometria facial

A partir deste mês de novembro, a Viação Santa Tereza (VISATE), de Caxias do Sul, RS, irá bloquear os cartões eletrônicos que são usados de forma indevida. Desde o mês de outubro, 12 ônibus estão circulando com um equipamento de biometria facial, capaz de atestar o uso correto dos benefícios. Conforme prevê o contrato de concessão do serviço do transporte coletivo, os beneficiários poderão perder o passe livre ou o desconto por até um ano. A operadora informou que os dados gerados pelo sistema de biometria facial apontaram, durante o período de testes, inconsistência entre a foto do titular do cartão e o usuário em 1.070 dos
Ler maisComentários não disponíveis